quinta-feira, 19 de março de 2015

Cid Gomes, falou a verdade e demitiu-se.

Richard Jakubaszko
Este país é uma pândega, tenham certeza disso. Cid Gomes, ministro da Educação do governo Dilma Roussef, e ex-governador do Ceará, em dia de Lula, reafirmou que o Congresso tem de 300 achacadores. Lula disse, 12 anos atrás, que seriam 400 picaretas...
Divergiram pouca coisa nos números...

Depois de um rápido debate, excêntrico e exótico pelas insólitas declarações, pois parecia briga de lavadeiras na beira do rio, e pelo fato do deputado que está no plantão da presidência da Câmara dos Deputados ter lhe cortado o microfone, Cid Gomes retirou-se do plenário, foi ao Palácio do Planalto e demitiu-se.
Politicamente não havia outra solução.
Moralmente, a gente sabe como é: no Brasil, se falar a verdade, é demitido...
No vídeo, a apoteose do Cid Gomes, que prefere ser xingado de palhaço a ser qualificado como achacador...
Tô com ele, e não abro!

.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por participar, aguarde publicação de seu comentário.
Não publico ofensas pessoais e termos pejorativos. Não publico comentários de anônimos.
Registre seu nome / cidade na mensagem. Depois de digitar seu comentário clique na flechinha da janela "Comentar como", e escolha "nome/URL"; na janela que vai abrir digite seu nome.
Se vc possui blog digite o endereço (link) completo na linha do URL, caso contrário deixe em branco.
Depois, clique em "publicar".
Se tiver gmail escolha "Google", pois o sistema Google vai pedir a sua senha e autenticar o envio.