quarta-feira, 4 de março de 2015

Não, não estão em declínio as populações de abelhas.


Richard Jakubaszko
Publiquei aqui no blog, em 2007, notícia que assustou, ou, pelo menos, deixou muita gente preocupada: http://richardjakubaszko.blogspot.com.br/2007/12/sinais-do-fim-do-mundo-as-abelhas-esto.html 

Outros foram céticos. Parecia mais uma das famosas "Teorias da Conspiração" de fim/início de milênio, quando são comuns as notícias de "vem aí o fim do mundo", e tome má notícia sobre o calendário dos Maias, o bug do Milênio (pois tudo iria parar na mudança do calendário, e os computadores não teriam capacidade de ler a nova data, o ano 2000), e depois a gripe aviária, a gripe suína, o aquecimento, as mudanças climáticas e por aí vai, inclusive esta sobre o sumiço de colmeias inteiras.
Desta má notícia surgiram debates e denúncias, que abordei em outras oortunidades, inclusive reproduzi uma matéria de várias páginas, publicadas como assunto de capa da revista Time, e o assunto foi ser discutido até mesmo no Congresso dos EUA: http://richardjakubaszko.blogspot.com.br/2013/09/a-situacao-critica-das-abelhas-meliferas.html
Pois agora recebi do amigo e engenheiro agrônomo Ferreira Lima, cópia de um artigo publicado em janeiro nos EUA, desmentindo mais essa Teoria da Conspiração. Depois de traduzir (mal, como pode ser verificado), vai abaixo o texto:




Não, não estão em declínio as populações de abelhas
James Cooper *
Os gritos dos ativistas ambientais continuam a afirmar que há um declínio de todo o mundo aterrorizante na população de abelhas. Mas há um problema: não é verdade. Qualquer um pode olhar para dados do USDA e dados semelhantes de StatsCanada, e descobrir que as populações de abelhas são estáveis e crescentes. Não há nenhuma crise de população de abelha! Pode-se fazer propaganda, mas que não reflete a realidade.
As populações de abelhas nos Estados Unidos estão estáveis por muitos anos, e aumentaram em 4 dos últimos 5 anos. As populações de abelhas no Canadá têm aumentado continuamente ao longo dos últimos 15 anos. E na Europa o aumento foi ainda maior. Em todo o mundo, as colônias de abelhas têm aumentado a cada ano: por quase 15% desde 2000, de acordo com a página de dados FAOSTAT. (No gráfico, a população mundial se relaciona com a mão direita do eixo y, variando de 70,708,000 a 81,027,000 colmeias de 2000 para 2013).
As abelhas não estão morrendo de nenhuma maneira. Isto é apenas ficção, um alarmismo. Mas é verdade que as abelhas devem ser substituídas por causa do inverno ou CCD, e que a quantidade de CCD ainda é muito alta. As causas, no entanto, não incluem inseticidas neonicotinoides.


* James Cooper é o autor de 19 livros e mais de 1.000 colunas para o Examinador de comida no Condado de Fairfield. Seu livro mais recente é Examinador de comida... Cooper é Ph.D. em química pela Universidade Estadual de Ohio e graduado da faculdade Oberlin.
.

11 comentários:

  1. Richard,
    Seu eu soubesse que vc ia abordar o tema, teria te passado uma informação interessante: eu estou organizando um simpósio internacional sobre abelhas e agricultura. Uma das palestras que eu havia encomendado a um professor da Universidade de Maryland era sobre CCD. Ele contrapôs para falar sobre causas de mortalidade de colônias, sem a menção a CCD, porque (palavras dele) "não há registro de CCD nos EUA nos últimos 4 anos".
    Abs
    Decio Gazzoni
    Embrapa Soja/Londrina

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Decio,
      diga ao professor da Univ de Maryland para digitar "colony collapse disorder in the USA" no pubmed ou no google mas ele tiver preguica ja tem alguns papers recentes cobrindo os ultimos 4 anos abaixo.
      Gerson Machado
      http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/?term=colony+collapse+disorder+in+the+USA
      ===
      http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/24725944
      Virology. 2014 Apr;454-455:176-83
      Characterization of viral siRNA populations in honey bee colony collapse disorder
      ===
      http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/24363549
      Hum Ecol Risk Assess. 2014 Feb
      A Causal Analysis of Observed Declines in Managed Honey Bees (Apis mellifera).
      ===
      http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/22939774
      Prev Vet Med. 2013 Feb
      Idiopathic brood disease syndrome and queen events as precursors of colony mortality in migratory beekeeping operations in the eastern United States.
      ===
      http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/23757238
      Environ Microbiol Rep. 2012 Feb
      Colony collapse disorder in Europe.
      ===
      http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/24081565
      Anal Bioanal Chem. 2013 Nov
      Simultaneous determination of residues in pollen and high-fructose corn syrup from eight neonicotinoid insecticides by liquid chromatography-tandem mass spectrometry.
      ===
      http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/21061948
      J Econ Entomol. 2010 Oct;103(5):1517-23.
      Weighing risk factors associated with bee colony collapse disorder by classification and regression tree analysis
      ===
      http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/24496582
      Ecohealth. 2013 Dec;10(4):434-45
      Pathogens, pests, and economics: drivers of honey bee colony declines and losses
      ===
      http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/22384162
      PLoS One. 2012
      Predictive markers of honey bee colony collapse
      ===

      Excluir
  2. Richard,
    você é apicultor? que experiência tem nisso? ou e' critico de cadeira como o James Cooper que e' pago por sites que promulgam disinformação sobre GMOs (que vai funcionar muito bem para gente mal informada ou de baixo QI)? O mundo está cheio de idiotas e eles também publicam livros e chamam de ciência. O artigo tem uma lógica imbecil. E' como dizer "vejam, fui no site das estatísticas de população e a população dos EUA, Canadá e do mundo está aumentando, portanto toda esta conversa sobre o aumento da incidência do câncer é falsa porque a população aumentou". Converse com qualquer apicultor de verdade que tenha vizinho envolvido com vários dos pesticidas já claramente identificados como ligados à morte das abelhas ou mesmo que não matando diretamente serão identificados no pólen e trarão consequências na cadeia de saúde e alimentar, e você ficara' sabendo que existe uma direta correlação entre aplicação dos tais pesticidas e perda de colmeias. Eu vivi isso na minha fazenda varias vezes ate' os vizinhos pararem com os inseticidas depois que a conversa começou a tomar a direção legal, e nunca mais perdemos abelhas. Neste caso foi novamente o Roundup da Monsanto. Certamente deve ter vários PhDs por aí que escreveram vários livros dizendo que não tem problema. Acho que uma das melhores coisas que uma pessoa pode aprender é pensar por si mesma e desenvolver intuição e observação.
    SDS
    Gerson Machado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gerson,
      não sou agricultor, sou jornalista, vc sabe disso como comentarista contumaz deste blog. Abri o assunto para debates, como fiz em 2007 e depois, em 2013, com a matéria da Time, e em nenhuma uma dessas situações vc me perguntou se eu era apicultor. Eu não sou, mas meu genro é, e o sogro da minha filha também. E tenho amigos apicultores, além de vc, que não compartilham da sua opinião.
      De outro lado, por favor, já expliquei em outras vezes, debata, desconstrua as ideias, o blog é para isso, mas não desqualifique ninguém aqui, pois não permitirei isso nas próximas vezes. Serei obrigado a ignorar seus comentários. É regra do blog, e não abro mão disso.
      O comentário anterior ao seu é do meu amigo Decio Gazzoni, agrônomo sênior, e uma das maiores estrelas entre os cientistas da Embrapa, leia o que ele escreveu... E ele já havia escrito na Agro DBO sobre a reprodução de abelhas Jataí, portanto, veja que não é um imbecil curioso sobre o tema...
      Respeito suas opiniões sobre a questão das abelhas, mas lamento, elas estão sendo desconstruídas não apenas pela opinião do James Cooper, mas de outros cientistas também. Agora, toma cuidado, se o Cooper resolve te processar por calúnia o comentário no blog é prova a favor dele.

      Excluir
    2. Richard
      Cite os outros cientistas, se o blog e' para debater vamos debater. Mas que tenham pesquisa fundamentada e nao opiniao desinformada. Aproveite e diga para o Cooper que o dono do site Quackwatch que ele menciona em seus artigos ja' foi processado varias vezes por mentiras e recebe dinheiro para disseminar disinformacao. O controle da maioria das pesquisas e publicacoes no mundo esta na mao de poucas organizacoes e ha' grande manipulacao e poucos cientistas independentes.

      Se os seus conhecidos ainda nao tiveram problema pode ser pela questao geografica, dose, e varios aspectos multidisciplinares. Mas na minha localizacao - vale em montanhas - a correlacao foi de 100% - parou o inseticida parou a morte.

      Mas nao termina por ai. Partes por TRILHAO estao ligados a varios efeitos de longo prazo nao so' em abelhas mas em varios alimentos e portanto na cadeia alimentar, uma das melhores pesquisadoras e' do MIT e NAO HA' DINHEIRO DE NENHUMA FONTE DOS EUA POIS NAO QUEREM VER ISSO EM PUBLICO. E' financiada por empresas da Asia e os resultados sao excepcionais, quem sabe o Cooper e os outros que voce nao menciona mudariam de opiniao ao se informarem...

      SDS
      Gerson Machado
      ===
      ===
      https://www.youtube.com/watch?v=o3P6wVUH0pc
      This is the Best Explanation of the Vaccine/Autism Connection I've Ever Heard!
      Published on Jan 19, 2015
      ===
      https://www.youtube.com/watch?v=a52vAx9HaCI
      Autism Explained Synergistic Poisoning from Aluminum and Glyphosate, by Dr. Stephanie Seneff
      Published on Aug 13, 2014
      AUTISM EXPLAINED: Synergistic Poisoning from Aluminum and Glyphosate. This video is a must watch for everyone. Dr. Stephanie Seneff, Senior Research Scientist at MIT, opens our eyes to the synergistic role of aluminum and glyphosate in autism. Glyphosate is the so-called active ingredient in Monsanto's ubiquitous and toxic herbicidal concoction Roundup. She also discusses glyphosate's role in diabetes, Alzheimer's, digestive system disorders, infertility and birth defects.
      ===
      https://www.youtube.com/watch?v=E6qW8E2bGmo
      This Common Practice Will Be a 'Disaster in Time'!
      Published on Jan 8, 2015
      Dr. Stephanie Seneff has researched a number of chemicals used in many of today's modern farming practices.
      ===
      ===
      https://www.youtube.com/watch?v=u2Hkunxkzfw
      This Doctor Delivers the Best Explanation and Treatment for Alzheimer's
      ublished on Jan 28, 2015
      ===
      https://www.youtube.com/watch?v=cGJYtQa4SX4
      Could This Be the Root Cause of Inflammation and Many Modern Diseases?
      Published on Jan 23, 2015
      ===
      http://www.westonaprice.org/modern-diseases/cancer-to-the-rescue/
      Cancer to the Rescue? January 20, 2014 by Stephanie Seneff, PhD
      How Tumor Cells Work Overtime to Restore Vascular Health
      [...]
      how glyphosate, the active ingredient in the most common weedkiller, Roundup, likely disrupts both sulfate transport and sulfate synthesis.32 I also published an article about glyphosate in connection with autism in the Fall 2013 issue of this journal. Glyphosate has been shown in in vitro experiments to induce proliferation of human cancer cells even when it is present in a concentration of mere parts per trillion.42
      ===
      http://foodintegritynow.org/2014/04/08/dr-don-huber-gmos-glyphosate-threat-humanity/
      Dr. Don Huber: GMOs and Glyphosate and Their Threat to Humanity April 8, 2014
      ===

      Excluir
  3. Queria saber qual é a base científica para se afirmar que a população de abelhas e polinizadores de um modo geral não está em declínio. Se fatos incontestes como o desmatamento não convencerem suficientemente, basta fazer um passeio a pé pela imediações de uma lavoura recentemente pulverizada por fungicida, inseticida ou herbicida. Nos últimos 2 anos a mortandade de abelhas diminuiu a olhos vistos sim, mas basta abrir qualquer colméia e podemos ver abelhas recém nascidas com asas atrofiadas, abelhas adultas se movimentando no chão a esmo como se estivessem perdidas... Tudo muito estranho. Se percebemos isto nas colônias criadas, imaginem o que ocorre nas colônias de abelhas nativas, susceptíveis aos mesmos episódios ambientais. Temos acompanhado aterrorizados o movimento de TRATOR da Futuragen para aprovar a primeira variedade de eucalipto transgnico. Certamente pólen e nectar trans de milho, soja e outras espécies tem impacto nocivo nas abelhas. Não à toa, as abelhas aprisionadas nos experimentos da Futuragene preferiram comer o polen natual do que o pólen trans.
    O mundo está sendo virado literalmente ao avesso. Extrair tanto hidrocarboneto para a superfície que compunham a biosfera há milhoes de anos e que glaciações e efeitos estufas sucessivos enterram, traz danos irreparáveis para toda a vida na terra. A biosfera atual (plantas e oceanos) não suportam a queima de tanto derivado de petróleo e isto é claro, impacta todas as abelhas e todos os seres vivos, incluindo o ser humano.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. José Alexandre, a base científica é a estatística, a mãe de todas as ciências. O 'pobrema' é que os 2 lados citam estatísticas conflitantes, aí não é ciência, um dos 2 lados está mentindo...
      Agora, vc tira outras deduções, e aí já é opinião, não é ciência, capisce?

      Excluir
    2. Richard,
      no caso deste artigo e em varios outros exemplos a tatica sendo usada nao e' apenas manipulacao estatistica/financeira/politica. A tatica mais comum e' repor fatos por crencas fabricadas e entao usar o poder da midia para criar comportamento enquanto os fatos sejam suprimidos e a estatistica e falsa ciencia seja usada para criar confusao. Mas este jogo esta acabando gracas 'a Internet, a jornalistas como voce, e a cientistas que nao desistem da verdade mesmo que tenham que buscar a sua fonte de financiamento fora do sistema (os outros simplesmente se prostituem). Um livro novo vai acabar com muitas das mentiras circulando ver abaixo.
      SDS
      Gerson Machado
      ===
      http://www.amazon.com/Altered-Genes-Twisted-Truth-Systematically/dp/0985616911/
      Altered Genes, Twisted Truth: How the Venture to Genetically Engineer Our Food Has Subverted Science, Corrupted Government, and Systematically Deceived the Public Hardcover – March 20, 2015
      by Steven M. Druker (Author)
      ISBN-13: 978-0985616915

      The science fraud game is over for the biotech mafia. After years of running its corporate con that pushed dangerous poisons into the food supply and the fragile environment, the biotech industry’s lies are now exposed and meticulously deconstructed in an exhaustively researched new book launching March 20.

      The title of the book? Altered Genes, Twisted Truth – How the Venture to Genetically Engineer Our Food Has Subverted Science, Corrupted Government, and Systematically Deceived the Public by Steven Druker.

      The Foreward of the book was authored by one of the most celebrated living scientists in the world: Jane Goodall, PhD, DBE and UN Messenger of Peace. The derogatory “anti-science” slur used by biotech operatives (such as discredited biotech shill Jon Entine) against other scientists won’t work against Jane Goodall. Her legacy of science is irrefutably extraordinary, and she has received more science awards and accolades than almost any other scientist living today.

      Excluir
  4. Richard, vou encaminhar o link para alguns amigos pesquisadores da área, acredito que vão gostar de ler esse tópico do blog.
    Acrescento que achei interessante a reportagem, mas melhor são as discussões subsequentes.
    Abs!!
    Giuliano Marchi
    Pesquisador, Química do Solo
    Embrapa Cerrados
    Brasília/DF

    ResponderExcluir
  5. Gerson,
    em meu novo livro, "CO2, aquecimento e mudanças climáticas: estão nos enganando?", a sair ainda neste 1º semestre, escrevi na "conclusões" que:
    "Em um mundo onde já não confiamos mais em quase ninguém, nem na mídia, tampouco nas religiões, nos cientistas e governos, nos médicos, ou nos profetas do ambientalismo, afinal, em quem poderíamos confiar, se cada um desses grupos tem uma ideia fixa de se apoderar de algo que possuímos ou daquilo que achamos que somos? Nada, simplesmente estamos sozinhos. Nascemos sozinhos e vamos morrer sozinhos."

    Acrescento ainda que: "Quase todas as religiões têm promessas de paraísos divinos após a morte, mas também a maioria delas inclui em suas profecias a vinda – ou retorno – de um profeta, antecedida por ameaças de um Apocalipse. Nas religiões cristãs – de maioria ocidental – encontramos o Apocalipse caracterizado nas profecias dos apóstolos em torno dos Quatro Cavaleiros (Guerra, Conquista, Fome e Morte)."

    E comento mais: "Talvez Nietzsche tenha proposto uma anti-escatologia, radical, quando anunciou a morte de Deus, embutida nisso a ideia da busca da Verdade Absoluta, eis que, em falta de consensos teológicos, não passaríamos de simples ilusões da verdade, para encobrir a humanidade contraditória em um mundo desprovido de Deus. Com Nietzche, seria o fim da infinita espera pela chegada dos profetas, logo após o Apocalipse, e antes da ressurreição, ou do juízo final, mas o ambientalismo, tal como tem sido acusado, de ser uma nova religião, não foge à regra. Não promete o profeta, mas garante o Apocalipse. Aliás, os ambientalistas são todos profetas..."
    Um ponto em comum entre todas as religiões, e também no ambientalismo, é que se percebe um moralismo radical, que embute leis ditatoriais, verdadeiros dogmas, proibições de todos os tipos para atingir-se o objetivo final, e promete-se um paraíso, e até mesmo uma vendetta, que pune os maus e premia os de bom comportamento.
    É una pensatta...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Richard
      qualquer radicalismo ambiental ou nao e' ruim pois a vida e' feita de balancos, entretanto principios sao importantes pois eles fundamentam a propria interacao entre os balancos que manteem os ciclos da vida... Por falar em ciclos o trabalho do cientista John L Casey mostra que os ciclos de temperatura e inclusive as secas e inundacoes que estamos vendo em varios locais seguem em sua maioria padroes ditados pelo sol, ele obtem resultados precisos de estudos detalhados em seus modelos que sequer incluem CO2 na equacao. Entretanto isso nao significa que devamos ignorar CO2 mas sim otimizar tecnologias de minimo impacto dentro dos principios cientificos de lixo zero ver ZERI.org que ja publiquei neste blog varias vezes. Finalmente, ha' muita desinformacao na agricultura. As pessoas pensam que organicos nao tem escala, que tem que custar mais caro, que e' coisa de elite, que GMO presta, tudo errado. Ha' varias formas de melhora genetica sem GMO, ha' varias provas por ai' de fazendas imensas com organicos e de producao seja de commodities ou de verduras em grande quantidade e qualidade sem pesticidas e sem GMO. Na India por exemplo a cana descrita nos links abaixo atinge em producao organica mais de 200ton/ha de forma totalmente sustentavel. O que falta hoje e' pesquisa autentica nao prostituida por lobistas corporativos e a politica adequada para implementa-la de forma a cuidar da saude dos alimentos e do meio ambiente.
      SDS
      Gerson Machado

      http://agritech.tnau.ac.in/org_farm/orgfarm_sugarcane.html
      Organic cultivation of Sugarcane
      ===
      http://www.agritech.tnau.ac.in/SSI/ssi_technology_eng.html
      TNAU Agritech Portal :: Sustainable Sugarcane Initiative(SSI)
      ===
      http://www.zeri.org/ZERI/Future_Vision.html
      http://www.zeri.org/ZERI/Science_behing_ZERI.html
      What is ZERI? ZERI Perspectives Science Behind ZERI History
      ===
      www.newsmax.com/darkwinter
      ===
      watch from min 16 onwards
      https://www.youtube.com/watch?v=C7Axbw_bSZo
      Published on Jan 26, 2015
      John Casey builds an unbreakable case, the Sun dictates Climate Change
      ===
      http://www.ievpc.org/
      www.spaceandscience.net/
      ===
      https://www.youtube.com/watch?v=TqVE-uiHs7w
      Dr. Easterbrook Global Warming HOAX & Facts
      ===
      https://www.youtube.com/watch?v=HeCqcKYj9Oc
      Climate Scientist Murry Salby Demolishes the Global Warming Alarm
      ===
      http://www.thunderbolts.info/wp/
      https://www.thunderbolts.info/wp/2015/01/27/the-electric-universe/
      Jan 2015
      https://www.youtube.com/watch?v=5AUA7XS0TvA
      Thunderbolts of the Gods | Official Movie
      Published on Dec 23, 2012
      ===

      Excluir

Obrigado por participar, aguarde publicação de seu comentário.
Não publico ofensas pessoais e termos pejorativos. Não publico comentários de anônimos.
Registre seu nome / cidade na mensagem. Depois de digitar seu comentário clique na flechinha da janela "Comentar como", e escolha "nome/URL"; na janela que vai abrir digite seu nome.
Se vc possui blog digite o endereço (link) completo na linha do URL, caso contrário deixe em branco.
Depois, clique em "publicar".
Se tiver gmail escolha "Google", pois o sistema Google vai pedir a sua senha e autenticar o envio.