terça-feira, 7 de fevereiro de 2012

Agora a mídia alemã desmistifica o CO2

Richard Jakubaszko
Amigos do blog, o movimento de desconstrução da grande mentira do século XXI continua. Agora vem da Alemanha mais um poderoso torpedo. Colírio para meus olhos, música para meus ouvidos...
 
O MOVIMENTO DO AQUECIMENTO GLOBAL ALEMÃO SOFREU UM GOLPE MUITO DURO. A GRANDE MÍDIA DESCARREGOU EM CIMA DAS MENTIRAS DO CO2.

Por P. Gosselin
06 de fevereiro de 2012
(Tradução: Maurício Porto)


"AS MENTIRAS DO CO2... pura propaganda do medo... devemos confiar cegamente nos especialistas?"

Isso é o que o principal tabloide da Alemanha, o BILD (ver foto) escreveu em suas edições impressas e on-line de hoje, no mesmo dia em que o renomado editor Hoffmann & Campe lançou oficialmente um livro cético - escrito por um proeminente socialista e ambientalista.


Isso é bom demais. Mais do que eu jamais poderia ter imaginado. E vem mais nos próximos dias! O artigo do Bild é apenas o primeiro de uma série.

Marque esta como a data em que o movimento Aquecimento Global da Alemanha levou uma tremenda cacetada.

Hoje, não apenas um, mas dois dos meios de comunicação mais lidos da Alemanha publicaram notícias e artigos abrangentes do ceticismo da ciência em sua edições impressas e online, coincidindo com o lançamento de um grande livro cético do clima, Die Sonne Kalte (O Sol Frio).

Alemanha já mergulhou numa estridente discórdia sobre o tema quente da mudança climática
O que criou tudo isso? Um dos pais do movimento moderno da Alemanha verde, Professor Dr. Fritz Vahrenholt, um social-democrata e ativista verde, decidiu escrever um livro de ciência do clima cético, juntamente com o geólogo e paleontólogo Sebastian Dr. Lüning. O ceticismo de Vahrenholt começou quando ele foi convidado para rever um relatório do IPCC sobre energias renováveis. Ele encontrou centenas de erros. Quando ele os apontou, os funcionários do IPCC simplesmente o varreram pro lado. Atordoado, ele se perguntou: "É este o caminho que eles abordavam os relatórios de avaliação do clima?"

Vahrenholt decidiu fazer algumas pesquisas. Seu colega Dr. Lüning também lhe deu uma cópia do livro de Andrew Montford "A Ilusão do taco de hóquei" ("The Hockey Stick Illusion"). Ele ficou horrorizado com o desleixo e decepções que encontrou. Bem-conectado a Hoffmann & Campe, ele e Lüning decidiram escrever o livro. Die Sonne Kalte (O Sol Frio) cita 800 fontes e tem mais de 80 quadros e figuras. Ele examina e resume os últimos avanços científicos.

Conclusão: a catástrofe climática está cancelada
A ciência foi bem promovida. O livro começou a chegar nas livrarias hoje e já atingiu o número 1 na Amazon. na lista de livros de meio ambiente. Indicações mostram que ele irá subir muito mais alto nos gráficos de best-sellers globais. 
É publicado por uma editora de renome e agora está enviando ondas de choque no establishment da ciência alemã. A primeira impressão vai produzir 20.000 cópias. Espero que elas vão vender para fora rapidamente.

Hoje o  tabloide nacional Bild da Alemanha (que tem uma enorme circulação de 16 milhões de exemplares), dedica metade da página 2 a um artigo chamado:

"A MENTIRA DO CO2"
"Renomada equipe de cientistas afirma que a catástrofe climática é pura propaganda do medo feita pelos políticos"

O amplamente lido o Bild seguirá com o resto da série nos próximos dias. Na parte 1 de hoje o Bild apresenta "O que o IPCC da ONU não lhe diz." Bild pergunta: "E se o IPCC está errado? Podemos realmente confiar cegamente nesses especialistas? Eles são realmente independentes? "

O Bild, em seguida, escreve:
"Os prognósticos fenomenais de calor do IPCC são pura propaganda do medo".

A série do Bild com certeza vai fazer ambientalistas radicais ferverem e atacar. Esperem um assalto nos próximos dias e semanas. Já a reação de ativistas foi rápida e violenta - embora eles ainda têm que ler o livro.

Eles nunca quiseram o debate - e agora a barragem rompeu
E cheias de ceticismo estão varrendo o país. Pior, o principal semanário de notícias alemão, a revista Der Spiegel de hoje, também contou com uma entrevista de quatro páginas exclusivas com Vahrenholt, onde ele repetiu que o IPCC ignorou uma grande parte da ciência do clima e que os cientistas do IPCC exageraram o impacto do CO2 no clima. Vahrenholt disse que, alargando os ciclos naturais conhecidos do passado para o futuro, e mesmo com o impacto real do CO2 em vigor, devemos esperar alguns décimos de um grau de resfriamento.

Numa conferência de imprensa hoje, em Berlim, Vahrenholt, Lüning e o editor Hoffmann & Campe apresentaram o livro e responderam a perguntas dos repórteres. Quando perguntaram por que Hoffmann & Campe decidiram publicar o livro, o porta-voz respondeu simplesmente que a hora é agora, há um público real para o livro e ainda que o tempo e a ocasião estavam certos! A Alemanha está agora vivendo a sua pior onda de frio em 26 anos. Isso torna difícil negar a falta de aquecimento.

É preciso salientar que Vahrenholt e Lüning não são céticos, eles estão mais para indiferentes que não encontraram qualquer evidência de uma vinda de uma catástrofe climática. Eles acreditam que o homem deve mudar para energias renováveis, mas deve fazê-lo de forma racional: "Trabalhe rápido, mas não se apresse."

Os leitores céticos não devem pensar que o livro vai fortalecer o seu ceticismo existente do aquecimento causado pelo CO2
. Os autores concordam que ele faz, mas têm grandes dúvidas sobre os supostos efeitos do CO2 relacionados com o feed-back e acreditam que o sol tem um papel muito maior em todo o esquema das coisas.

O livro cita mais de 800 fontes - incluindo a mais recente literatura revista por pares. Ele inclui mais de 80 gráficos que ilustram claramente que nem tudo está bem com as reivindicações feitas pela ciência alarmista. Ele foi escrito de modo que os leigos possam facilmente digerir o material e ainda fornece uma visão abrangente da ciência e onde ela está hoje.

O livro também enfureceu a liderança dos Aquecimentistas na Alemanha. Por exemplo, a academia. A Universidade de Osnabrück tomou a iniciativa de desconvidar o professor Vahrenholt, que estava programado para fazer uma palestra em 8 de fevereiro. A Universidade alegou que as opiniões céticas de Vahrenholt eram "provocativas". Além disso, a centro-esquerda do Partido Social Democrata, do qual Vahrenholt é membro, está num ensurdecedor silêncio.

Este gato está fora do saco - e não vai voltar pra dentro.


Os autores criaram um site Sonne Die Kalte aqui .
Reproduzido do blog Terrorismo Climático: aqui
_

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por participar, aguarde publicação de seu comentário.
Não publico ofensas pessoais e termos pejorativos. Não publico comentários de anônimos.
Registre seu nome / cidade na mensagem. Depois de digitar seu comentário clique na flechinha da janela "Comentar como", no "Selecionar perfil' e escolha "nome/URL"; na janela que vai abrir digite seu nome.
Se vc possui blog digite o endereço (link) completo na linha do URL, caso contrário deixe em branco.
Depois, clique em "publicar".
Se tiver gmail escolha "Google", pois o sistema Google vai pedir a sua senha e autenticar o envio.