quarta-feira, 15 de fevereiro de 2012

Inesquecíveis canções XVIII: Charles Aznavour

Richard Jakubaszko
No mundo contemporâneo Aznavour talvez seja o maior nome vivo das artes musicais francesas. Faz meio século que ele se mantém em sucesso. Conforme comentei no post sobre Piaf, Aznavour foi seu motorista, secretário e confidente, e ela deu-lhe o grande impulso e incentivo. Aznavour, além de excepcional intérprete, é também compositor e letrista.
Os sucessos de Aznavour são inúmeros, onde se destacam Que c'est triste Venise, La Bohéme, Hier ancore e She, e que mostro a seguir.
Hier ancore

She

Que c'est triste Venesi

La Bohéme


_

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por participar, aguarde publicação de seu comentário.
Não publico ofensas pessoais e termos pejorativos. Não publico comentários de anônimos.
Registre seu nome / cidade na mensagem. Depois de digitar seu comentário clique na flechinha da janela "Comentar como", no "Selecionar perfil' e escolha "nome/URL"; na janela que vai abrir digite seu nome.
Se vc possui blog digite o endereço (link) completo na linha do URL, caso contrário deixe em branco.
Depois, clique em "publicar".
Se tiver gmail escolha "Google", pois o sistema Google vai pedir a sua senha e autenticar o envio.