domingo, 24 de dezembro de 2017

Gilmar é criticado em áudio por juiz do Rio de Janeiro: a mala foi grande.

Richard Jakubaszko
O judiciário entrou em guerra. Juízes criticam decisões de outros juízes, o que demonstra e comprova a guerra, mais que isso, a ditadura do judiciário, ou a judicialização do país. Nem juízes do STF escapam desse tiroteio, onde as acusações incluem grana alta para tomar determinadas decisões. Será que é isso mesmo?

Em uma mensagem de áudio mais do que esclarecedora, o juiz eleitoral Glaucenir Oliveira, do RJ, que havia decidido sobre a prisão do ex-governador do Rio de Janeiro, Anthony Garotinho, resolveu criticar o ministro Gilmar Mendes, que determinou a libertação de Garotinho nesta semana. Na mensagem, o magistrado carioca comenta que Gilmar Mendes deve ter recebido alguma mala em troca da decisão favorável: "a quantia foi grande"; e completou: "Isso é um absurdo. Gilmar não tem mesmo vergonha na cara".

Ouçam o áudio da mensagem do juiz, ele que agora será investigado (vai ser preso? Vai perder a toga?) pela Corregedoria:

.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por participar, aguarde publicação de seu comentário.
Não publico ofensas pessoais e termos pejorativos. Não publico comentários de anônimos.
Registre seu nome na mensagem. Depois de digitar seu comentário clique na flechinha da janela "Comentar como", no "Selecionar perfil' e escolha "nome/URL"; na janela que vai abrir digite seu nome.
Se vc possui blog digite o endereço (link) completo na linha do URL, caso contrário deixe em branco.
Depois, clique em "publicar".
Se tiver gmail escolha "Google", pois o sistema Google vai pedir a sua senha e autenticar o envio.