domingo, 10 de fevereiro de 2013

Sobrevivendo ao progresso

Richard Jakubaszko
Interessante o documentário abaixo.
Entretenimento diferenciado para as horas ociosas deste imenso feriadão momesco.
É uma produção canadense, legendada em português, e questiona o que é, afinal de contas, esse místico progresso? Diante das encruzilhadas proporcionadas pela evolução humana, e das tecnologias, tenta mostrar que essas tecnologias geram, muitas vezes, mais problemas do que soluções.

Há um nítido viés ambientalista romântico, poético e crítico, mas algumas questões dos atuais dramas e dilemas do planeta, causas e consequências, como a superpopulação, são esquecidas nos depoimentos de várias personalidades internacionais. Mesmo com 1:26 horas de debates alguns temas são abordados de forma superficial, sem maior aprofundamento, como a necessidade da produção de alimentos.
Propostas inovadoras de soluções não existem, o que é recorrente, mas as indicações de culpados são frequentes, como o sistema financeiro e o grande capital, governos corruptos etc.

Há uma constatação terrível, de que talvez o planeta venha a ter de reduzir para a metade, ou quem sabe um terço, o total de sua população, hoje de 7 bilhões de bocas. Não se apontam indicações de como fazer isso, o documentário apenas sugere essa necessidade, de forma leviana e irresponsável. A proposta mais realista estaria em mudar a humanidade para um novo planeta... 
Como fazer isso? Para onde? Ah! Isso são problemas dos cientistas e governantes...

.

Um comentário:


  1. Richard
    Agroecologia pode dobrar a producao de alimentos em 10 anos [1] sem a necessidade de novos insumos nao renovaveis. Se pensamos com uma mente em um contexto de abundancia, e' mais facil achar as solucoes com impacto exponencial em beneficios e sem impacto exponencial em recursos [2] [3] [4].
    Gerson

    [1] Report: Agroecology and the right to food
    http://www.srfood.org/index.php/en/component/content/article/1174-report-agroecology-and-the-right-to-food

    [2] On Gunter Pauli’s Strategic Business Model of the Blue Economy
    http://gsjournal.net/Science-Journals/Research%20Papers-Ecology%20-%20Life/Social%20Sciences/Download/4483

    [3] The Blue Economy business model shifting society from scarcity to abundance Jan 2013
    http://www.elcamedia.com/blog/wp-content/uploads/2013/01/2013-Gunter-Pauli-The-Blue-Economy-ZERI-and-Ecover.pdf

    [4] http://www.zeri.org/ZERI/The_Blue_Economy.html

    ResponderExcluir

Obrigado por participar, aguarde publicação de seu comentário.
Não publico ofensas pessoais e termos pejorativos. Não publico comentários de anônimos.
Registre seu nome / cidade na mensagem. Depois de digitar seu comentário clique na flechinha da janela "Comentar como", e escolha "nome/URL"; na janela que vai abrir digite seu nome.
Se vc possui blog digite o endereço (link) completo na linha do URL, caso contrário deixe em branco.
Depois, clique em "publicar".
Se tiver gmail escolha "Google", pois o sistema Google vai pedir a sua senha e autenticar o envio.