segunda-feira, 9 de maio de 2016

Maranhão dá um House of Cards no Temer

Richard Jakubaszko  
Virou o jogo e o vento, de novo... O impeachment da presidente Dilma Rousseff na Câmara dos Deputados foi suspenso e cancelado pelo presidente interino Waldir Maranhão (PP/MA), a pedido da AGU - Advocacia Geral da União. A decisão sairá publicada amanhã no Diário do Congresso.
A política ferve a atmosfera em Brasília com mais essa reviravolta do impeachment.

Já há notícias de que o presidente do Senado, Renan Calheiros, vai devolver o processo para a Câmara. A Câmara terá que realizar nova votação após 5 sessões extraordinárias.

Maranhão alega para a sua tomada de decisão de que houve vícios, erros e distorções na votação do dia 17 de abril, quando muitos dos deputados teriam sido cooptados por Cunha para votarem a favor do impeachment.

Como o STF suspendeu o mandato de Cunha, e este se sente abandonado por Temer, parece haver um dedinho de Cunha contra Temer nesse processo. Quem sabe onde está a verdade? The House os Cards, a série, parece ter sido incorporada e assimilada pela política brasileira.

Há surpresa com essa reviravolta? Não, mas quem esperava alguma ação do governo via STF para anular o processo de impeachment, o que ainda não aconteceu, parece vibrar com o desenrolar do pastelão golpista. Maranhão é aliado do governador Flávio Dino (PC do B-MA), um dos principais correligionários de Dilma. Mas é também aliado incondicional de Eduardo Cunha.

Com isso, a votação em plenário da admissibilidade de processo de impeachment no Senado, para quarta-feira, dia 11/5, será cancelada. E na quinta-feira Lula terá decisão do STF para assumir (ou não) a Casa Civil...
.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por participar, aguarde publicação de seu comentário.
Não publico ofensas pessoais e termos pejorativos. Não publico comentários de anônimos.
Registre seu nome / cidade na mensagem. Depois de digitar seu comentário clique na flechinha da janela "Comentar como", e escolha "nome/URL"; na janela que vai abrir digite seu nome.
Se vc possui blog digite o endereço (link) completo na linha do URL, caso contrário deixe em branco.
Depois, clique em "publicar".
Se tiver gmail escolha "Google", pois o sistema Google vai pedir a sua senha e autenticar o envio.