sexta-feira, 17 de outubro de 2014

PT x PSDB e o Salário Mínimo, isso não foi ao debate!

Richard Jakubaszko
Aquela mania dos tucanos de falar mal dos brasileiros mais pobres e nordestinos que votam em Dilma, voltou com toda força, com a vitória dos tucanos em São Paulo.

FHC subiu no salto alto e chamou os eleitores mais pobres de ignorantes por não votarem no Aécio.

O ex-presidente disse ao colunista Josias de Souza, do portal Uol, "O PT está fincado nos menos informados, que coincide de ser os mais pobres. Não é porque são pobres que apoiam o PT, é porque são menos informados".

Em primeiro lugar essa é uma mentira, vinda do preconceito.

O eleitor mais pobre que vota em Dilma é o mais consciente e melhor informado que existe, por que ele não precisa de jornal, nem de tv para saber quando um governo funciona para ele ou não. Ele sente a informação chegar na própria pele.

Quem era muito pobre mesmo, na época do FHC, sentia a informação chegar no ronco da barriga vazia. Depois de Lula e com Dilma, fome esse cidadão não passa mais.

Quem era desempregado na época do FHC, sentia na própria pele a falta que faz ter seu salário no fim do mês. E mesmo quem era empregado sentia o arrocho nos salários e o medo de perder o emprego. Aposentado também sofria com o arrocho. E escola técnica boa e faculdade era coisa de rico. Com Dilma pobre também entra.

No governo do PSDB o pobre era invisível para o governo. Só era considerado como número para estatística e para "masturbação sociológica", como falou um próprio ex-ministro tucano na época. Na hora de fazer o orçamento da União, o pobre ficava de fora.

O cidadão mais pobre sabe como ninguém a diferença de viver no Brasil governado pelo PSDB ou pelo PT.

Outra mentira deslavada é não reconhecer que quem é mal informado é justamente quem lê a Veja, a Folha, o Estadão e se informa pelos telejornais da TV Globo ou pelos "especialistas" da Globonews. Esses têm uma visão completamente deformada do Brasil. Esses são justamente os desinformados (e muitos porque querem ser) que votam no Aécio.


O financista Armínio Fraga, ex-presidente do Banco Central ao tempo de FHC, e que tem dupla cidadania (EUA e Brasil), e que é um dos consultores do especulador George Soros, faz uma análise sobre o salário mínimo e diz que hoje os salários estão muito altos no Brasil, indicando que, se for ministro da Fazenda do Brasil, num hipotético governo de Aécio Neves (PSDB/MG), se terá de estabilizar essa "excrescência" construída por Lula e mantida por Dilma (PT/SP), sob risco de se "engessar" a economia.





Sintomática análise do que os tucanos vão fazer com o Brasil, de novo. Primeiro, venderiam a Petrobras (aliás, Petrobrax), quem sabe também o Banco do Brasil e a Caixa Econômica Federal, e provocariam um pouquinho de recessão, só pra gerar "instabilidade" empregatícia, e, com o desemprego, permitir que os salários, especialmente o salário mínimo, caiam a um nível que eles consideram viável pagar. Ai, ai, ai...
Essa é a minha percepção do discurso do Armínio Fraga no vídeo acima.
Ou ele disse algo diferente???


Se alguém tiver alguma contestação aos argumentos colocados acima, comente, mas identifique-se, não publico comentários de anônimos.

Um outro detalhezinho que a mídia não informa, ao contrário, desinforma: o ex-diretor da Petrobras, Paulo Roberto da Costa, foi demitido do cargo em abril de 2012 pela presidência da empresa, Graça Foster, porque foi apontado pela Polícia Federal como envolvido em negociatas mal explicadas, e a partir dai correram as investigações, culminando com a prisão dele e do doleiro Youssef, enquanto correm os trâmites na Justiça.
A mídia noticia as "denúncias" da "delação premiada", como se o ex-diretor da Petrobras fosse um escoteiro ínclito e honesto, cercado de políticos corruptos. A situação, como se vê, é de uma hipocrisia repugnante".
O que não da pra entender é o PT, antes um partido combativo, e que agora mais parece uma senhora gorda e burguesa, não defender o governo Dilma, que foi a responsável pela demissão do corrupto.

Afora isso, que a classe mérdia paulistana vote em Aécio, é porque terceirizaram o raciocínio, pois não têm opinião, são idiotas autossuficientes que chegaram aonde chegaram pela sua hiper-inteligência e competência. Queria ver se isso funciona num possível governo Aécio, quando os juros vão subir, os investimentos cairão, os salários vão desabar, e os empregos vão minguar.

.

Um comentário:

  1. Cara... estude economia.. salario minimo alto é ruim, ele nem deveria existir na verdade.

    ResponderExcluir

Obrigado por participar, aguarde publicação de seu comentário.
Não publico ofensas pessoais e termos pejorativos. Não publico comentários de anônimos.
Registre seu nome / cidade na mensagem. Depois de digitar seu comentário clique na flechinha da janela "Comentar como", e escolha "nome/URL"; na janela que vai abrir digite seu nome.
Se vc possui blog digite o endereço (link) completo na linha do URL, caso contrário deixe em branco.
Depois, clique em "publicar".
Se tiver gmail escolha "Google", pois o sistema Google vai pedir a sua senha e autenticar o envio.