quarta-feira, 14 de fevereiro de 2018

Mesmo sem a mídia, as notícias voam

Fernando Brito *

A Folha, mais pudica, deu um registro, reproduzido em alguns sites e jornais. No O Globo e no Estadão, o financiamento público subsidiado de  R$ 17,7 milhões para o avião particular de Luciano Huck, nem veio ao caso.

Caso por caso, o do João Doria, até agora, nem isso. Só o Poder360 registrou, confirmou com o BNDES o crédito de R$ 44 milhões para a empresa do prefeito de São Paulo comprar o Legacy com que ele diz viajar o país inteiro “com o meu avião, com o meu dinheiro”.

Doce ilusão.

Nos tempos de internet, mesmo com o algoritmo amigo do Facebook, as notícias voam mais rápido que os jatinhos subsidiados.

Depois, os jornais arrotam que fazem “jornalismo profissional” e os blogueiros, devidamente “sujos”, produzem fake news.

O Tijolaço não tem, como já disse, nenhum orgulho em “furar” a grande imprensa.

Tem é vergonha em ver que só a fórceps se publicam fatos, enquanto, contra outros, se dão manchetes e até sentenças por suposições.

Minha profissão sempre foi mais importante que meu emprego. E como, “maldito” por ter escolhido um lado – o outro lado – creio cada vez mais acreditando nela.

A notícia é mais importante que a imprensa e ela voa, mesmo quando se abafam os jatinhos.

* o autor é jornalista, editor do Tijolaço.
Publicado em: http://www.tijolaco.com.br/blog/mesmo-sem-midia-as-noticias-voam/

.

9 comentários:

  1. Oh sujeitinho canastrão e burro.
    Ainda não caiu a ficha que o SEU lado é podre.
    Não estou defendendo lado nenhum, não é o meu contra o seu, mas este seu lado é totalmente PODRE. os fatos ( cambada já presa ) e os que serão confirmam.
    Eles são injustiçados, !!! ora, tenha paciência, ou melhor, tente usar os teus 1% de neurônios que ainda não foram contaminados com essa canalhice toda.
    Bom, se você faz parte da canalhice, então estou gastando meu tempo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Meu lado podre? Ora, ora, o cara pega avião com juros subsidiados e eu é que sou podre do meu lado?
      A mídia oficial (Globo, Estadão, Veja, Folha SP) não noticia nada e eu é que tenho lado podre? Faz favor...

      Excluir
    2. É óbvio que qualquer mutreta é podre. Você continua com a história de LADO. Não tem lado, tem honesto e desonesto.
      P
      Comprar avião ou não importa o que com dinheiro emprestado não importa daonde não tem nada demais, desde que você pague o que foi combinado.
      Agora porque você não fala de dinheiro subsidiado para governos estrangeiros , ou seja (para não brasileiros para você entender ) e ainda por cima com objetivos espúrios.

      Excluir
    3. Ninguém escreveu que é ilegal comprar um jato com dinheiro subsidiado, a 3% ao ano, mas é antiético e imoral, disso ninguém tem dúvidas. E olha que nem se falou nos 20 milhões que o cara pegou através da Lei Ruanet.

      Excluir
    4. Ótimo, vamos por o “cara” no mesmo saco que a turma de “esquerda “ ligada ao PT , Dilma etc enfiou a mão.

      Excluir
  2. A palavra “canalha” é muito usada pelo Requião e outros, mas quem sabe quem é o Requião como eu aqui do Paraná, sabe o que estou falando, eeé um bufão que gosta de chamar a atenção. Freud explica.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que o Freud também devia é explicar esse seu ódio aí...

      Excluir
    2. Você sempre insiste quando não tem argumento, que eu estou destilando ódio. Ora, eu só estou apresentando FATOS.

      Excluir
    3. Não há nenhum fato que vc tenha apresentado em seus xingamentos. Vc emitiu uma opinião, o que é completamente diferente de fato. Pelo menos, por ser jornalista, aprendi em 50 anos de profissão, separar fato de opinião.

      Excluir

Obrigado por participar, aguarde publicação de seu comentário.
Não publico ofensas pessoais e termos pejorativos. Não publico comentários de anônimos.
Registre seu nome na mensagem. Depois de digitar seu comentário clique na flechinha da janela "Comentar como", no "Selecionar perfil' e escolha "nome/URL"; na janela que vai abrir digite seu nome.
Se vc possui blog digite o endereço (link) completo na linha do URL, caso contrário deixe em branco.
Depois, clique em "publicar".
Se tiver gmail escolha "Google", pois o sistema Google vai pedir a sua senha e autenticar o envio.