sexta-feira, 11 de janeiro de 2019

Agro DBO, é tempo de despedidas.

Richard Jakubaszko    
Registrei no último editorial da Agro DBO nº 106, de dez-18/jan-19, a seguinte mensagem:

É tempo de despedidas. Mas não são definitivas, esta Carta ao leitor não é um adeus. Agro DBO, em sua versão impressa, tem nesta edição de nº 106 sua derradeira publicação.

Daqui para frente estaremos apenas no digital, através do Portal DBO. Isto porque, mudanças de conjuntura exigem mudanças de estratégias. É um sinal dos tempos, pois os agricultores mais jovens indicam que preferem o ambiente digital, mais rápido, dinâmico, instantâneo, e vibrante.

Não somos os pioneiros, como o leitor já deve ter percebido, eis que tradicionais publicações impressas mundo afora já tomaram decisão idêntica a esta. Evidentemente que foi uma conclusão amadurecida. Não apenas os leitores da revista impressa nos indicavam essa tendência, mas também os publicitários e marqueteiros, pois dão preferências ao mundo digital.

O jornalismo nos levou a consolidar questões como credibilidade naquilo que se publica, mas a internet nos contraria, o mundo digital é um modismo que veio para ficar, apesar das fake news.

Seguiremos no digital, empenhados na busca de caminhos por meio dos quais possamos construir uma nação digna em todos os sentidos e para todos, e de uma agricultura forte, atuante, tecnológica, capaz de alimentar os brasileiros e ainda gerar divisas. Mas precisamos dos leitores e dos anunciantes. Se eles estão no mundo digital é para lá que iremos, conquistar leitores, disputar mercado, participar, e, se possível, descobrir novos caminhos.

Nesta derradeira edição impressa, Agro DBO traz como matéria de capa a reportagem “O bicho vai pegar”, do jornalista Ariosto Mesquita, que aponta as pragas de difícil controle no plantio de grãos.

Entre os destaques da edição, além de nossos vibrantes e apaixonados colunistas, que nos acompanharão na versão digital a partir de janeiro, há um singelo e lúcido texto do centenário engenheiro agrônomo Fernando Penteado Cardoso sobre o emprego da óbvia palhada, recurso tecnológico tropical que espanta o mundo inteiro e deve sempre ser levado em conta pelos agricultores.

Merece ainda atenção dos leitores reportagem sobre a Eima, feira internacional de máquinas agrícolas que Agro DBO visitou em novembro último, em Bolonha, na Itália, e que aponta tendências futuras do agro.

Recomendamos também a entrevista que Tereza Cristina, a nova ministra da Agricultura, concedeu para Agro DBO, em que revela seus propósitos à frente do Ministério da Agricultura, além da missão que foi dada a ela pelo presidente eleito Jair Bolsonaro. São novas mudanças que teremos em nosso Brasil, e que poderão exigir alterações nas estratégias dos leitores.

Como brinde aos leitores Agro DBO publica nesta edição a segunda Tabela de (in)Compatibilidades de misturas em tanque de agroquímicos e fertilizantes foliares para as culturas de batata, tomate, hortigranjeiros, café e algodão. O trabalho tem patrocínio das empresas Microquímica, Jacto, FMC e Agrotis, e é uma excepcional ferramenta de trabalho para os agricultores e bibliografia para os engenheiros agrônomos, em trabalho técnico da UENP - Universidade Estadual do Norte do Paraná e da Embrapa Soja.

Venham com a gente para o digital, no www.portaldbo.com.br

,

6 comentários:

  1. Uma grande perda. Mas ganha o universo digital com as excelentes matérias da Agro DBO.

    ResponderExcluir
  2. Mais versátil! Isso agrega à qualidade ao conteúdo. O leitor continuará sábio, ou seja, não perderá sua bússola para chegar àquilo que o interessa. O sucesso DBO de sempre é uma pule de dez. Feliz 2019 para toda equipe! Abraços caro Richard!

    ResponderExcluir
  3. Olá Richard, o mundo é cyber e todos precisamos nos ajustar. Os mais velhos ficam saudosos do papel, mas não há como voltar no tempo. Temos certeza, que o jornalismo competente, o textos técnicos didáticos de especialistas, e as novidades tecnológicas continuarão permanentemente as estampar as páginas em html da revista digital. Um forte abraço mestre!

    ResponderExcluir
  4. Também gosto muito da versão em papel tanto de livros, revistas como jornais, mas sabemos que o ambiente digital é rápido e prático e os bons se manterão no digital como excelentes fontes de consulta e conhecimento.

    ResponderExcluir
  5. Richard, mantenha o pique,. Parabéns por tudo que você tem feito
    Forte abraço
    Roque

    ResponderExcluir
  6. Obrigado Richard.
    O debate estampado no papel continuará.
    Continue com força, qualidade e empenho na busca por uma agricultura da razoabilidade, da qualidade dos produtos.
    Grande abraço
    Ivar Buzatto
    OPAN - Operação Amazônia Nativa

    ResponderExcluir

Obrigado por participar, aguarde publicação de seu comentário.
Não publico ofensas pessoais e termos pejorativos. Não publico comentários de anônimos.
Registre seu nome na mensagem. Depois de digitar seu comentário clique na flechinha da janela "Comentar como", no "Selecionar perfil' e escolha "nome/URL"; na janela que vai abrir digite seu nome.
Se vc possui blog digite o endereço (link) completo na linha do URL, caso contrário deixe em branco.
Depois, clique em "publicar".
Se tiver gmail escolha "Google", pois o sistema Google vai pedir a sua senha e autenticar o envio.