sexta-feira, 1 de outubro de 2010

O voto e sua importância na democracia

Richard Jakubaszko
Vote, mas vote com consciência. Votar é o seu maior direito como cidadão, e é também um dever. Dessa forma, torne o seu direito de votar uma maneira de participar da sociedade, democraticamente.
Não anule seu voto, é uma forma de protesto que, estatisticamente, nunca é importante. Vote num partido, apenas na legenda se não tiver nomes escolhidos, mas vote.

Como experiência posso antecipar que discordo de eleições como essa em que se mistura presidente, governador, senadores, deputados federais e estaduais. Tenho a preferência por eleições especificas, ou seja, presidente, senadores e deputados federais num ano, no ano seguinte governador e deputados estaduais, e no outro ano prefeito e vereadores. 

Acredito que haveria maior interesse e discussão entre os eleitores, em escolher melhor os seus representantes, os debates seriam mais focados e específicos, e não genéricos no âmbito federal e desimportantes no estadual, o que gera desinteresse das pessoas.
O que acaba acontecendo, em termos práticos, com o desinteresse do eleitor, é que as pessoas escolhem presidente, governador e senador, mas atribuem menor importância aos deputados federais e nenhuma aos estaduais. Acabam escolhendo, com enormes votações um candidato atípico, como deverá ser este ano o candidato Tiririca, por exemplo, e deixam de eleger candidatos que efetivamente fariam muito mais pela sociedade. 

Lembro que Tiririca é uma personagem que deu seu nome ao candidato, acusado de analfabeto. É uma oportunista candidatura-caricatura, mas a nossa democracia suporta isso, assim como a italiana suportou uma Cicciolina. A diferença visual entre os mesmos é que fazia a diferença...

Candidatos com muitos votos, como Tiririca parece que terá, representando partidos nanicos, trazem em seu vácuo para a Câmara dos Deputados, mais 2 ou 3 deputados que tiveram, por vezes, menos de 2 mil votos, em detrimento de candidatos de outros bons partidos que tenham tido 5 ou 10 mil votos. Isso ocorreu, por exemplo com o deputado falecido Clodovil.
Assim, não dê seu voto de protesto em candidatos como Tiririca, isto somente ajuda aos partidos nanicos a ganharem espaço maior nas eleições seguintes, com maior número de candidatos exóticos para receberem mais votos inúteis ainda. Saiba que nunca esses candidatos contribuem com nada para a democracia.

A atual campanha, se considerarmos o debate de ontem à noite na TV Globo, ficou anódina, deixa como maior lembrança o residual da liderança e carisma de Lula, a incompetência de uma oposição sem discurso e sem propostas. E o vaticínio caricato de Tiririca, de que "pior do que está não pode ficar".
Assim, escolha criteriosamente seus candidatos, mas saiba que um voto de protesto num candidato sem chances, pode ser melhor opção do que votar em branco, ou de abster-se de ir votar, apesar de todas essas opções serem um direito democrático seu, inalienável.

Abaixo, para auxiliar em suas escolhas, publico um link do Portal Terra onde você poderá escolher os candidatos. Mas antes de escolher dê uma boa examinada neles. Ao clicar no link irá aparecer uma tela, e a palavra "candidato" com uma flechinha laranja ao lado. Clique na fechinha e irá abrir outra tela onde vc poderá escolher os candidatos (em ordem alfabética) tanto federais como os estaduais, ao clicar na flechinha correspondente ao seu estado.
Faça uma "cola" com os nomes dos candidatos e seus números, isso agiliza na hora de votar e dificulta erros.
Confira a lista:
http://noticias.terra.com.br/eleicoes/2010/candidatos/busca/#/
Bons votos!
_

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado por participar, aguarde publicação de seu comentário.
Não publico ofensas pessoais e termos pejorativos. Não publico comentários de anônimos.
Registre seu nome / cidade na mensagem. Depois de digitar seu comentário clique na flechinha da janela "Comentar como", no "Selecionar perfil' e escolha "nome/URL"; na janela que vai abrir digite seu nome.
Se vc possui blog digite o endereço (link) completo na linha do URL, caso contrário deixe em branco.
Depois, clique em "publicar".
Se tiver gmail escolha "Google", pois o sistema Google vai pedir a sua senha e autenticar o envio.